Obrigatoriedade da cessação de uso da impressora fiscal!

Publicado por Mayara Lacerda em

Saiba sobre a importância de cessar o uso da sua impressora.

Se você tem um comércio, sabe que a legislação atual (implementada desde 2015), no estado de São Paulo, é que cada estabelecimento possua dois equipamentos SAT, um em uso, e um de backup, mas não é todo mundo que sabe sobre a obrigatoriedade da cessação de uso da impressora fiscal!

As impressoras fiscais ficaram proibidas de serem vendidas em 2015, e com vida útil limitada. O posto fiscal diz que toda impressora tem validade de 5 anos da sua lacração inicial, então por exemplo: se você comprou ela em 2013, ela já não está dentro da validade, estipulada pelo posto fiscal.

O que fazer depois que ela vencer?

Você deve primeiro, adquirir um equipamento fiscal SAT que normalmente acompanha uma impressora não fiscal, para regularização do seu estabelecimento. Feito isso, chegou a hora de fazer a cessação de uso da sua impressora fiscal, juntamente com um interventor autorizado.

Importante solicitar que seja feito o backup dos últimos 3 meses dos arquivos da nota fiscal paulista.

É obrigatório cessar a impressora?

De acordo com o posto fiscal, sim! Quando o interventor, faz a cessação da impressora, ele informa ao posto, que você encerrou as atividades daquele equipamento fiscal.

Depois que eu cessei, preciso guardar a impressora?

Sim, como qualquer outro documento, a legislação solicita que seja guardado por 5 anos.

O que eu preciso ter para usar o SAT?

Precisa de um local com rede de internet funcionando e uma impressora não fiscal, para a impressão do documento.

A WBAGestão é interventora e autorizada das principais marcas de equipamentos de automação comercial, quando não tem parceiros para que o serviço seja entregue com a mesma qualidade que prestamos.

Quer que a gente te ajude a saber se sua impressora está dentro do prazo? Entre em contato conosco, ajudaremos no que for preciso!

Envie um e-mail para: assistencia@wbagestao.com e saiba mais!

Quer saber mais sobre
nosso sistema?
Preencha o formulário
e fale com um de nossos consultores.

Categorias: Legislação

0 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *